RESPUBLICA EUROPEIA

Direito Comunitário e Assuntos Europeus. Por João Pedro Dias

UE/Turquia: Franceses preferem parceria com Ancara…

leave a comment »

UE/Turquia: Franceses preferem parceria com Ancara em vez de adesão – Sarkozy. Paris, 03 Out (Lusa) – O ministro francês do Interior, Nicolas Sarkozy, acredita que os franceses são “mais favoráveis a uma parceria” da Turquia com a União Europeia (UE) do que uma adesão, solução defendida pelo presidente, Jacques Chirac. Entrevistado pela rádio RTL hoje, Sarkozy lembrou que no partido a que preside, a União para um Movimento Popular (UMP), a “parceria” turco-europeia é a opinião “quase-unânime” dos militantes. “E se interrogarmos o país para saber qual é a sua opinião, esta seria extremamente reservada. Seria mais favorável a uma parceria do que a uma adesão”, declarou. Uma revisão constitucional efectuada em França em Fevereiro deste ano [para permitir a votação do Tratado Constitucional europeu] introduziu a obrigação de se referendar qualquer nova adesão à UE. Interrogado sobre o facto de o presidente, Jacques Chirac, ser favorável à adesão de Ankara à UE, Sarkozy respondeu ironicamente: “Já não é mau”. “Eu não sou contra a abertura das negociações”, sublinhou o ministro do Interior, considerado um potencial candidato às eleições presidenciais de 2007, sucedendo assim a Chirac. “Mas é curioso que os nossos amigos turcos digam ‘vocês abrem as negociações mas a negociação não pode servir para outra coisa senão para aderir'”, criticou. “(Se há condições prévias) Então mais vale não abrir (negociações)!”, exclamou. Os 25 falharam no domingo um acordo para a abertura das negociações de adesão da Turquia devido à oposição da Áustria, devendo a presidência britânica continuar hoje os esforços para chegar a um compromisso. Para conseguir o acordo, os europeus devem imperativamente aprovar por unanimidade um documento-quadro que determine os princípios e as directrizes para futuras discussões, assim como o discurso a realizar pelo MNE britânico (que detém a presidência rotativa da UE), Jack Straw, em nome dos 25. No final dos trabalhos, hoje de madrugada, o ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Philippe Douste-Blazy, afirmou que “será muito difícil para a Turquia [aderir] porque pedimos muito, pedimos para mudar as suas leis”, mostrando-se aberto a uma “parceria privilegiada”. Lembrando as diferenças de valores sobre os direitos do Homem, da democracia ou da igualadade entre homens e mulheres, Douste-Blazy manteve a condição de Ankara reconhecer o Chipre. [ Via LUSA, com a devida vénia]
Anúncios

Written by Joao Pedro Dias

3 Outubro 2005 às 5:17 pm

Publicado em Uncategorized

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s